INTEGRAÇÃO DO WHATSAPP COM O FACEBOOK

Termina neste sábado (24/09) o prazo para desativar a integração do aplicativo Whatsapp com o Facebook.

Conforme os novos termos do aplicativo, quem não realizar o procedimento até esta data, automaticamente aceitará a integração e não poderá voltar atrás.

Entenda o caso:

O WhatsApp anunciou no dia 25/08 uma mudança na forma como lidará com os dados dos usuários, com o objetivo de compartilhar informações com o Facebook e para isso estaria atualizando os termos de serviço do aplicativo.

A justificativa foi que a mudança irá melhorar as experiências com anúncios e produtos no Facebook. No novo texto da política de uso, a companhia afirma que a medida ajudará a “combater spam entre os aplicativos, dar sugestões sobre o produto, mostrar anúncios relevantes”. 

O documento assegura ainda que “o Facebook não usará suas mensagens do WhatsApp por qualquer motivo que não seja nos auxiliar na operação e na execução dos Serviços”.


A lógica é a seguinte: ao trocar mensagens com uma loja pelo WhatsApp, a possibilidade de ver uma propaganda desta loja no Facebook aumenta. Além da rede social, o compartilhamento dos dados também poderá valer para outros aplicativos mantidos pelo Facebook, como o Instagram e o MSQRD.

O objetivo disso tudo é muito claro: gerar mais receita para o Facebook (tadinho, ele é muito pobre).

Desconfiança dos usuários

Em uma pesquisa  publicada pelo Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec), divulgada na quinta-feira (22),  muitos usuários do WhatsApp manifestaram insatisfação com a nova política de uso do mensageiro, que compartilhará seus dados com o Facebook a partir do próximo dia 25 de setembro.

Em uma enquete online com 2.463 pessoas, entre os dias 8 e 21 de setembro,  63,5% acreditam que os termos de uso do WhatsApp são injustos, pois, inicialmente, alegavam "proteger a privacidade" e não há a opção de escolher quais dados serão compartilhados com o Facebook.

Se você não quer que  suas informações do WhatsApp sejam compartilhadas no Facebook, pode desativar a integração até o dia 24 de setembro.

Se você optar por não fazer o compartilhamento de dados, não poderá reverter essa decisão depois.
Para usuários que criaram sua conta após 25 de agosto não há opção para impedir a troca de informações.
COMO DESATIVAR O COMPARTILHAMENTO DE DADOS
Abra o WhatsApp  toque nos três pontinhos para abrir o menu principal. Selecione “Configurações”.



Na tela de configurações, entre em “Conta”. Note que a opção “Compart. dados da conta” está marcada. Dê um toque na caixa de seleção para desmarcá-la.



Será aberta uma caixa de mensagem perguntando se você não deseja utilizar os dados da conta do WhatsApp no Facebook. Toque em “Não compartilhar” para confirmar a desativação.




Por fim, o WhatsApp exibirá uma mensagem informando que os dados da conta não serão usados pelo Facebook.

Compartilhamento de dados é controverso


Além de desagradar grande parte dos usuários, a mudança nos termos de uso suscitou dúvidas em relação à transparência do WhatsApp.
Isso porque diversas pessoas relataram ser comum conversar com alguém no mensageiro e logo em seguida o contato aparecer como sugestão no Facebook.
Isto pode ser um indício de que o compartilhamento de dados já está ocorrendo mesmo antes do prazo dado pela empresa, o que gera incerteza sobre se a escolha de desativar a integração será respeitada.

Vamos aguardar o próximo capítulo!